CAMPANHA SALARIAL 2018: SINDICATO VAI A JUSTIÇA E GARANTE DATA-BASE

A Desembargadora Maria de Lourdes Linhares Lima de Oliveira, Presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região – TRT5, acatou o pedido formulado pelos Sindicatos que representam os vigilantes no estado da Bahia (Sindvigilantes, Sindmetropolitano e SVItabuna) e “DEFERIU O PEDIDO PARA RESGUARDAR 1º DE FEVEREIRO COMO DATA-BASE DA CATEGORIA”. O processo tem o nº 0000082.41.2018.5.05.0000 e seu andamento pode ser consultado no site do TRT.
Este é, sem dúvida, uma grande vitória da categoria diante da arrogância patronal e da sua tentativa de limar nossas conquistas. Lembrando que que logo na primeira rodada de negociação realizada no dia 1º/02/2018, os patrões se negaram a garantir a data-base e as conquistas da convenção encerrada no dia 31 de janeiro .

CLICK AQUI E VEJA AS ATAS.>>>>  doc06783820180227125229 doc06783920180227125315 doc06784020180227125400 doc06784120180227125448

A jogada do patrão é empurrar a negociação, negar a retroatividade de todas as clausulas a 1º de fevereiro e aplicar a reforma, roubando nossas conquistas e direitos.

CLICK AQUI E VEJA  A PAUTA DA CATEGORIA.>>>>  doc06784320180227125651  doc06783720180227125153

Esta decisão também é simbólica, pois é uma das primeiras da Justiça do Trabalho na Bahia sobre o tema após a vigência da famigerada reforma trabalhista/roubo de direitos.
Os Sindicato cumprem, assim, com a sua responsabilidade e compromisso de zelar pelos interesses dos vigilantes e enfrentar o patronato com firmeza, coragem e inteligência.

VEJA  AQUI A RESPOSTA DO PATRÃO CALOTEIRO>>>doc06784220180227125535
Para esta quarta-feira, 28, está prevista a 5ª rodada de negociação.
Nas assembleias a categoria já aprovou: A GREVE VEM AÍ.
Estamos em Assembleia Geral permanente. Aguardem novas convocações.
Sem luta não há conquistas!

Para cuidar dos meus direitos, NÃO ABRO MÃO DO MEU SINDICATO!