SEM PORTA DE SEGURANÇA SINDICATO FECHA BRADESCO NOSSA VIDA VALE. OUTRA TRAGÉDIA DE SUZANO, NÃO!

Parece que o Bradesco não se importa e não aprende com tragédias, como a de Suzano, SP e insiste em abrir agencia sem porta de segurança.
Nesta terça-feira (19) lideranças do Sindvigilantes cuidaram de fechar a agencia Bradesco Campo da Pólvora (Salvador) e realizar uma vigília até o encerramento do expediente para garantir que o banco não abrisse, colocando em risco a vida das pessoas.
Desde o final da ultima sexta-feira a porta de segurança está com defeito e não trava. O banco alega que depende de uma peça a vim de São Paulo. Ontem, durante todo o dia, a direção do Sindicato insistiu com o banco para resolver o problema e nada foi resolvido. Com vigilantes, mas sem os equipamento obrigatórios de segurança o banco não pode funcionar. Ta na Lei federal e na lei municipal.
Hoje, sem a responsabilidade do banco com a vida dos vigilantes, funcionários e clientes, a solução foi barrar o funcionamento da agencia.
Não basta a tragédia da escola de Suzano (SP) para ensinar aos patrões que a nossa vida vale.
Amanhã, o Sindicato volta a agencia cobrar o respeito a lei e a vida. Sem segurança banco não pode abrir.