SindVigilantes da Bahia participa da Greve Nacional e anuncia Assembleias pelo Estado

Juntamente com a Central Única dos Trabalhadores (CUT-BA), e as demais centrais, movimentos sociais, o SINDVIGILANTES BA- Sindicato dos Vigilantes do Estado da Bahia mobilizaram, em todos os Estados milhares de trabalhadores e trabalhadoras (público e privado), uniram força contra a Reforma da Previdência, dando o recado do povo brasileiro “Somos contra a perca de direito e do meu sindicato não abro mão”, reafirmou  os  vigilantes  da Bahia.

Contra as reformas malditas que vem privilegiando somente a classe rica (OS PATRÕES CALOTEIROS) vem prejudicando a maioria da população brasileira e principalmente a classe dos vigilantes, a reforma da previdência seria um estrago mortal na vida de milhares de famílias. “Para os vigilantes o estrago ainda é maior  com a  reforma Previdenciária, já que  temos direito a aposentadoria  especial  com  25 anos interruptos na profissão , não  aceitaremos  retrocesso” afirmou a  direção do sindicato.

Nesta segunda-feira, 19 de fevereiro, que entrou para história do país, como mais um caso de luta de classe contra a classe dominante de políticos que não defende o trabalhador, o sindicato marcou presença e somou a luta que retirou da pauta do Senado. Com todos os esforços conjuntos o alerta continua. De acordo com o Sindvigilantes quem mais ganha com isso são os bancos, com os planos de previdência. “Seria um atentado contra os direitos de milhões de trabalhadores e trabalhadoras urbanos e rurais que contribuem a vida com o INSS para garantir um futuro com o mínimo de recurso, sendo quem mais é caloteira do INSS são as grandes empresas”, alerta do sindicato.

A categoria que entra para história nacional anuncia uma mobilização por todo o Estado da Bahia, com a classe dos vigilantes, após a covarde proposta anunciada pelo patronal. Com dúvida do papel da entidade a pergunta: Qual o seu lado: Patrão ou dos Vigilantes?

Vejam as datas das assembleias por toda a Bahia que pode culminar na maior Greve da História dos vigilantes.

 

SALVADOR – 23 (sexta-feira) e 24 (sábado) de Fevereiro,

Sede SINDVIGILANTES (rua do Gravata,nº23, Nazaré – Centro, às 08h:30)
CAMAÇARI – 24 de Fevereiro (sábado).

(às 08h:30, rua Goiás, nº 29, Centro)

FEIRA DE SANTANA – 24 de Fevereiro (sábado).

(às 08h:30, rua Boticário Moncorvo, 460, 1ª Andar, bairro Kalilândia)

ITABUNA – 23 de fevereiro (sexta-feira).

(às 08h:30 e às 19h:30; rua Monsenhor Moises, nº 161, bairro Pontalzinho )