VIPAC/BB – LOTE 4: AUDIÊNCIA DIA 12/11/ 18. SOLUÇÃO QUASE LÁ!

CLICK AQUI E BAIXE O TERMO >>>  TERMO DE QUITAÇÃO VIPAC

A atuação firme, insistente, incansável da direção sindical de luta do Sindvigilantes/Bahia, com o apoio, confiança e acompanhamento da categoria marcou o “gol de ouro” na audiência realizada hoje pela Juíza de Conciliação de 1º grau da Justiça do Trabalho em Salvador. Antes marcada para o próximo dia 20, a audiência foi antecipada para a quarta-feira da semana passada e outra para hoje (12) e saímos de lá com um “acordo”.
Mas foi preciso vencer a chantagem do banco e as tentativas de calote da empresa. Mesmo assim, o banco condicionou o acordo e o pagamento aos vigilantes, a assinatura por cada um (individual) de um “termo de quitação”.
O Sindicato procurou cuidar da melhor forma possível dos interesses da categoria. Não deixou que os direitos dos vigilantes dependessem de anos na justiça. O que foi negociado foi a forma e o tempo de pagar, mas a garantia é o pagamento de 100% de todos os direitos (rescisão, 40% do FGTS e até a multa do art. 477).
Veja abaixo os principais pontos do acordo e as orientações a todos os colegas:
1) O valor total do acordo é de R$ 1.618.880,37, incluindo a rescisão, os 40% do FGTS e uma multa do art. 477 da CLT ( mais um salário mensal por deixar de pagar a rescisão no prazo de até 10 dias após a rescisão);
2) Como condição imposta pelo Banco do Brasil para que o acordo fosse fechado o Sindicato recolherá junto aos mais de 160 trabalhadores um “termo de quitação total e individual”. O Sindicato tem até o dia 26 para recolher estes termos. Somente receberá os valores do acordo o trabalhador que subscrever o termo. Se conseguirmos entregar os termos antes do dia 26, a Juíza prometeu antecipar a audiência do dia 5 e a liberação do alvará para que o banco faça o pagamento;
3) Os pagamentos, quando liberado e após a audiência e ata definitiva (dia 5/12 ou antes), será realizado diretamente pelo banco na conta de cada trabalhador;
4) Com o acordo o trabalhador também terá direito a sacar o FGTS e requerer o Seguro Desemprego ( quem tem direito e ainda não fez);
5) O trabalhador não terá nenhum custo com este processo. Custas e honorários de advogado serão pagos pela empresa;
6) Pelo acordo, o colega que não assinar o termo de quitação está fora do pagamento;
7) A ata com a redação completa está a disposição no site do TRT5. O número do processos é o 0000369.20.2018.5.05.0027.
Então prestem a atenção:
A agilidade de todos antecipará o pagamento.
Vamos fazer um esforço para entregar todos os termos até a próxima segunda-feira, 19?
Depende de você. Cole com seu colega e agilize (se concordar, evidentemente!).
Sindicato é isto: luta, combate aos caloteiros, é defesa dos direitos da categoria, É CONQUISTA!

VIGILANTES EX-VIPAC/BB – LOTE 4:
ATUALIZANDO AS INFORMAÇÕES SOBRE A LUTA CONTRA O CALOTE

• ENTREGA DOS TERMOS – No final da quarta-feira dirigentes do Sindicato entregaram ao Advogado que cuida do processo 155 termos de quitação.
• Estes documentos já estão em processo de transmissão para a Justiça;
• FALTAM MENOS DE 10 COLEGAS – Dois encaminharam ontem (15), mas falta 2 colegas da agencia América Dourada, 2 de Barra do Mendes, 2 de Roda Velha, 1 de São Desidério (José Celestino) e 1 reserva (Adenilton Ramos Dias). Quem puder, faça contato com estes colegas para que não fiquem de fora. O Banco só vai pagar a quem deu quitação.
• Na próxima segunda-feira, 19, o advogado já pedirá a juíza a antecipação da audiência e do pagamento.
Parabéns a todos pela agilidade e firmeza na luta.